Apenas mais um (Herói)

Dois caminhos
Dois minutos pra escolher
Os telefones não tocam mais
Não tenho notícias suas

E eu não quero mais lutar
E eu não quero mais

Prefiro continuar a minha vida de herói
E ser só mais um quando tiro a capa
Ser só mais um

Com ou sem poderes
Sempre quis te proteger

Mas então você descobriu meu ponto fraco
E então minha máscara caiu

Sem capa eu sou só mais um
Perdido no meio da multidão

Se valesse mesmo a pena
Os heróis ainda estariam aqui

Por Henrique Nogueira

Brainstorm

A mente, que não agüenta mais tantas informações e ações inúteis, resolve reciclar o seu velho "HD"... e em meio a tantos "arquivos" deletados, vão embora algumas lembranças antes julgadas boas, alguns sentimentos antes julgados bons e algumas pessoas antes julgadas 'dignas de carinho e atenção'.

"(..) Ao fim do dia, após tirar a sua capa, o herói deixa de ser tão 'heróico' e volta à sua anônima vida de 'simples humano', onde todos os seus feitos não querem dizer nada... e ele é apenas mais um."

Fikadica

Eu ando por ai como quem não quer nada, como quem deixa tudo passar desapercebido... E nessas minhas andanças existem algumas coisas que se repetem continuamente. Um olhar, um lugar... Uma chuva, alguns beijos... Uma paixão e um desentendimento... Enfim, coisas...


O fato é que faz parte do desenrolar da vida se interessar por outras pessoas (por mais que essas “outras pessoas” não se interessem realmente por você).


Começar novas histórias também é uma boa pedida caso você queira se arriscar um pouco, mas cuidado, não vá procurar por uma comédia romântica na prateleira de dramas, isso nunca da certo!


O que você precisa saber é que quando as coisas parecem estar se repetindo, não tente se enganar e dar aquele último crédito para o seu “tão amado roteirista”, porque elas vão se repetir. A pior parte disso, é que no final, coisa que você já conhece muito bem, nada é agradável... O bom é que você, já experiente no gênero “desastres amorosos”, pode prever todas as suas próprias reações, e até se divertir um pouco com elas.


- Nota: “Prever” não necessariamente quer dizer que você vá mudar alguma coisa, pois não se esqueça: você sempre tenta dar aquela última chance pro seu “tão amado roteirista”.


De qualquer forma você vai acabar culpando o seu altruísmo, aquele sentimento que diz “não se preocupe com você, os outros são mais importantes agora”.


Ouvir alguns - “você me faz bem” - durante a história alimenta um pouco o altruísmo de cada um, mas se você ouvir - “você me ajudou bastante, mas...” – saiba que o fim está próximo.


- Seja esperto e deixe o seu ‘lado negro da força’ falar mais alto algumas vezes... Ajuda bastante.

PS: Fica a dica!